Campo das Hortas conforta sorrisos

Manuel A. Machado, residente em Braga, conhece a realidade que o envolve e fala confortavelmente sobre a dinâmica aí sentida; Catarina Santiago, residente em Fafe, partilha já da mesma perspetiva.

A Clínica Campo das Hortas, apesar dos seus três curtos anos de história, caracteriza-se por uma filosofia inovadora partilhada por dois jovens com a mesma ambição. “Conhecemo-nos por acaso, através de um amigo em comum, decidimos que queríamos dar asas à nossa visão”, conta Catarina Santiago. Dessa visão comum nasceu um novo horizonte.
Ainda que com uma prática bastante generalizada, ambos especializaram-se em diferentes áreas. Manuel A. Machado mais ligado à implantologia, Catarina Santiago mais vocacionada para a cirurgia oral, acabando por complementarem-se.

“Para as especialidades que não dominamos, ou para as quais não temos formação específica, criamos parcerias com colegas que vêm cá e que oferecem esse recurso. Desta forma proporcionamos todo o conforto ao nosso utente e o acesso às especialidades que necessita”, explica Catarina Santiago.
Porém, existe ainda um estigma relativamente à medicina dentária: “As pessoas quando conversam entre elas sobre as suas experiências no dentista abordam sempre as experiências mais traumatizantes”, lembram. É por isso que o Campo das Hortas busca, constantemente, ferramentas que tragam conforto ao paciente e precisão ao profissional.

A inovação é pensada para que o paciente se possa esquecer do habitual cenário de uma clínica dentária. “O espaço foi pensado para evocar serenidade, possuímos tecnologia de última geração e recorremos aos óculos 3D de forma a envolver as pessoas numa nova realidade, virtual, desmistificando a cadeira do dentista”, sublinham. Humanizar sorrisos
É nos sorrisos saudáveis que o trabalho se foca.

 

A componente estética acaba por desenvolver, nesse âmbito, um aspeto muito positivo na auto estima individual de cada pessoa. Por isso, hoje mais do que nunca, Manuel A. Machado e Catarina Santiago sabem que “o sorriso é sempre o primeiro impacto, quer seja na procura de trabalho quer seja em plena vida social”. Saber ouvir, criar empatia e dar oportunidade de expressar ideias e opiniões são aspetos essenciais para o Campo das Hortas.

É com essa prática que cultivam a confiança e decidem o tratamento mais adequado para cada paciente. Desafios e futuro Segundo Manuel A. Machado e Catarina Santiago a medicina dentária é ainda encarada como o parente pobre de todas as medicinas. Mas apesar dessa conjuntura, os dois colegas observam que na zona onde estão inseridos estão a atravessar um período favorável, o que lhes dá ânimo para continuar. Sabem que estão no caminho certo, porque são constantemente reconhecidos.
A boa referenciação dá-lhes alento para evoluir técnica e humanamente. Num futuro próximo ambicionam ser uma clínica de referência na cidade de Braga

in Portugal Inovador N.63 - Novembro 2014
http://paginaexclusiva.pt/userfiles/files/Portugal%20Inovador%20-%20Edi%C3%A7%C3%A3o%2063%20NET.pdf

 

1/29/2015

© 2016 by andit business and consulting